A Importância dos Meios de Comunicação de Massa

Na busca de maior envolvimento dos funcionários com a alta gestão, os níveis hierárquicos estão diminuindo nas organizações brasileiras, com isso, os diretores e gerentes cada vez mais se encontram lado a lado com os funcionários de nível operacional. Para isso, recomenda-se um clima informal para facilitar e aproximar a comunicação entre os dois lados, como os meios de comunicação de massa, que unificam e simplificam a troca de informações.

Os meios e os conteúdos da comunicação de massa desempenham três funções explicitas:
- Simplificar a realidade tornando mais palpáveis os processos de mudanças de atitudes e comportamentos;
- Reduzir tensões e conflitos nas relações de trabalho, superando relações de conflitos entre chefias e subordinados;
- Favorecer a identificação da mensagem passada, com tipos claramente definidos e estereotipada;

Outras funções são mencionadas por estudiosos, que são elas: a de conferir status e a de impor normas sociais. Para estes estudiosos os meios de massa acentuam a autoridade de indivíduos e grupos, o que endossa ainda mais uma crença popular norte-americana “se você realmente é importante estará no centro de atenção de massa e, se tiver no centro de atenção de massa, será, sem duvida, importante” (Lazarsfels eMerton, 1957).

Outro aspecto relevante é que, ter publicidade ou reconhecimento público, serve para unificar conhecimentos, comportamentos e atitudes, forçando o público a posicionar-se sobre o que está vinculado nos meios de massa.

video

Diversos modelos e filosofias gerenciais como TQM, ISSO 9000, %S, Reengenharia, Kaizen, Change Management, Learning Organization, entre outros, vêm sendo modificados e simplificados para se adequar à realidade social dos funcionários do nível operacional brasileira, para estimularem a identificação e compreensão das mensagens.

É preciso entender, além das mensagens transmitidas, quais meios e como eles estão associados à cultura brasileira; como os programas têm exigido a propagação de técnicas gerenciais, políticas, princípios e diretrizes; saber quais as barreiras do processo de comunicação e os melhor meios a serem utilizados para cada tipo de público, tudo para poder transmitir conhecimento e atitudes para os membros e integrar os novos funcionários.

No caso da realidade das organizações brasileiras a cultura é fria, em que a fala, musicalidade e o gesto corporal exercem mais influência. Os meios usados são a televisão, histórias em quadrinhos e a música pop.

Por isso, as organizações estão buscando “esfriar” as mensagens e os conteúdos ideológicos. No caso do jornal interno com linguagem simples, seção de “fofocas”, curiosidades, últimas notícias, entre outras. Nas rádios empresariais com música ambiente intercalada com informações pertinentes a organização. Além de também usarem peças teatrais usando o modelo de telenovelas, shows de auditório, programa de notícia, com o conteúdo embasado no cotidiano empresarial, higiene, prevenção de acidentes, etc. Com esse “esfriamento” de informação, a gerência consegue um maior poder de persuasão com os outros membros da organização.

Conquistar a fidelidade dos clientes e alcançar um clima de harmonia entre seus funcionários é o desejo de todos os empresários, seja ele de micro, pequeno ou de grande porte. E para alcançar este objetivo as empresas atualmente utilizam essas ferramentas que disseminam os conceitos empresarias, os princípios organizacionais e as práticas de qualidade utilizada pela empresa.

Todo processo de comunicação tem barreiras e sofre ruído dentro da organização, por isso, existem métodos e estudos voltados a identificar os públicos para se trabalhar dirigidamente e de acordo com seu perfil da cultura organizacional.

É importante saber que “nem todo o meio serve para um determinado tipo de mensagem e nem toda mensagem serve para um determinado meio”, ou seja, deve haver uma adequação do conteúdo da mensagem com o tipo de meio, que um seja compatível com o outro.

“Muitas das histórias são interpretadas como scripts que dizem aos empregados quais comportamentos ou atitudes são aceitáveis” Wilkins.



Bibliografia
Livro Cultura Organizacional e Cultura Popular Brasileira de Marcelo Mariano Aidar e Mário Aquino Alves, capítulo 12, “Comunicação de Massa nas Organizações Brasileiras”.
Escrito por: Aline Zamboti

posted under |

4 comentários:

O que significa impávido colosso? disse...

Muito bacana a idéia do Blog! Adorei as dicas!!

Anônimo disse...

Boa tarde gostaria de saber como a lingua portuguesa e os meios de comunicação de massa podem e devem ser usados na empresa. aguardo resposta. Obrigado

Anônimo disse...

obg

Anônimo disse...

gostei muito dessa pesquisa por que achei o que eu estava procurando

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Início

Pesquise no Cultura S.A

Carregando...

Followers


Recent Comments